Ter fé é ter certeza do depois. Acreditar nas belas manhãs logo após tempestades agressivas, pensar no anoitecer estrelado depois que o sopro de Deus levou as nuvens embora. Ter fé é confiar na segurança de dentro, mesmo sabendo que o mundo está prestes a mudar lá fora. É perseverar no sorriso guardado pela tristeza […]

Desisto. Faço dessa espécie de amor que, hoje, já não sei se é real uma completa e profunda desistência. Não nasci para sentir-me abandono. Não nasci para verter lágrimas ao invés de brotar risos. Não nasci, meu caro, para esperas intermináveis. Digo-te que desisti. Não desejo ser a inclusão dos teus planos ou a partilha […]

Parecia tudo mais fácil quando nada existia. Quando tua vida não iluminava a minha. Quando você não decidia, com um simples olhar, deixar-me letárgica para dominar tudo o que era “só meu”. Era tudo incrivelmente fácil quando as desistências não cegavam os meus olhos e os sonhos eram os motivos que mais engrandeciam as belezas […]

Ninguém sabe, só eu! Mas carrego-te na pureza da presença de um sonho, nos enleios de devaneios contínuos, sensibilizados por sua não-presença. Lá, enquanto o sono é a única realidade de mim, a alma viaja e vai visitar teu cheiro, tua pele, teu riso, tua falta de resistência ao trocar olhar com o meu. Ninguém […]

Gosto quando você se despe. Quando tua roupa ainda te cobre, mas vejo na íntegra tuas vontades. Quando nos transformamos em nós tão cegos quanto olhos de amor. Gosto quando você se despe. Quando teu corpo é só detalhe e teu “eu” me tira a concentração. Quando beija meu coração e usufrui. Gosto quando você […]

Precisamos sentar e observar mais, olhar ao redor e ver quem é cara e coroa. Precisamos ver para quem vivemos e repensar nossas intuições sobre o que é amar de verdade. Antes de tudo ou, pelo menos, antes que o “tarde demais” chegue necessitamos aprender sobre a bondade que se doa e não se troca, […]

A vida não está nada fácil. Sentir-se indo embora de si mesma em busca de um lar habitável é tudo o que sinto por enquanto. Tenho somado as desventuras e percebido que não é só de amor que preciso. É de mim. De mim que desisti de SER na completude da palavra, de mim que […]