Achei que eu fosse morrer quando você ligou ontem à noite, com a voz lambuzada de falsa doçura, perguntando se eu estava bem. Sei lá, garota, você nunca fez o tipo que fala doce ao telefone e era por isso que eu amava tanto você. Você era prática. Simples e prática, mas tão prática que […]

Minha vida não é um cinema mudo barato, desses preto e branco. Embora, às vezes, prefira a falta de falas e um dizer nos atos, eu gosto mais é da vida em cor. Vivi as emoções do meu primeiro amor, infantil e inocente, entre risos e mãos dadas e trocas de olhares, somente. E, descobri, […]

Eu te amei escondido assim que te vi chegar. Meus olhos brilharam quando repousaram sobre o teu riso e eu desviei o olhar. Eu te amei escondido quando você me deu um pão de queijo no meio de uma manhã fria e me chamou para um café. Eu disse sim, e te amei escondido mais […]

Eu me apego, não nego. Domino a arte de me apegar. Não consigo me afastar de gente que divide para somar. Aquele drama de compartilhar histórias e ideias, ou alimentar fantasias infantis minhas (ou não tão infantis assim). Piro nessa troca. Gosto de me ver mudar, porque tudo (me) muda. Cresce, evolui, amadurece. Então sim, […]

Tem dias que eu queria deitar a cabeça no teu ombro e me esquecer ali, quietinha. Ficar me embalando no ritmo da tua respiração, enquanto você cantarola alguma coisa bem baixinho no meio dos meus cabelos. Eu me enrolaria o tempo que desse, torcendo para o tempo não voar tão depressa. O tempo sempre foi […]

Para ler ao som de You’ll never see me again. Desculpa esses garranchos e essas linhas tortas, mas não conseguiria te dizer tudo que está engasgado aqui dentro se eu ficasse olhando para esses teus olhos miúdos. Você sabe o poder que teus olhos tem de me desestruturar inteira e hoje não estava afim de me […]

Eu apago as palavras atropeladas na garganta, todas aquelas que já não falo, e mergulho meus olhos de chocolate derretido nesses teus de piscina rasa e deixo que tudo que cala percorrer esse pequeno espaço que separa meu olhar do teu. Talvez os detalhes tenham se perdido na rotina sem regras que criamos, mas vê? […]