Eu escolho a liberdade.

Estar com alguém nunca é uma decisão fácil, por mais que se goste do outro. Involuntariamente (ou não), vamos deixando de lado possibilidades, romances, flertes, ideias, amizades coloridas e afins, para estarmos com uma única pessoa. E decidir abrir mão disso tudo tem de ser por um bom motivo. Ou melhor, por um motivo extraordinário.

Estar com alguém é doação, intensidade, sentimento de bem-querer, planos para finais de semana, feriados e próximas férias ainda daqui uns meses. É inegável que abrimos mão de algumas coisas. Um sábado a tarde pode deixar de ser aquela praia com os amigos para se tornar dia de brincar de ser tio emprestado de duas crianças pequenas. Um domingo de preguiça na cama até mais tarde, se torna estrada de terra batida para um almoço em família. Não a sua. Aliás, agora a sua família também. E você não reclama. Pelo contrário, sorri. E sorri de forma escancarada! Porque é o que você quer para si. Ter alguém com quem você se sinta tão bem, que te faça assustadoramente feliz. Assustadoramente? Sim! Porque quando você se dá conta, deixa de fazer falta aquela vida de efêmeros e soturnos anseios. Todo o prazer gozado de forma livre, é substituído pelo prazer a dois. Livre. Porque quando você escolhe estar com alguém, não vê sua relação como forma de prisão, pelo contrário, liberta-se. Afinal, compartilhar de sonhos e desejos outrora únicos, passa a ter um peso diferente.

A caminhada se torna mais leve e a gente aprende que é mais gostosa a vida quando se tem com quem contar. Liberdade também é saber ir e vir de mãos dadas com alguém. E é, justamente, essa a liberdade que eu escolho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

CATEGORIA

Vitor Vilas Boas

Tags