Sai caminhando pelas ruas apenas aproveitando o calor que o dia e o sol me proporcionavam. Eu estava de bem comigo mesma e tive certeza de que meu coração nunca estivera tão em paz.

E foi quando eu ti vi!

Ao longe no horizonte avistei alguém de preto, com aquele estilo único de andar como se estivesse já pronto para dançar. As calças tradicionais e o tênis vermelho estilo Michael Jordan me trouxeram lembranças boas de um tempo que não volta, mas será que eu realmente queria tudo de novo?

Por um segundo me assustei quando olhei para o seu lado e vi que os meus cabelos vermelhos haviam sido substituídos por um tom de moreno qualquer. Ao te reencontrar de novo e não te desejar ao meu lado tive a mais verdadeira prova de superação, e meu amor, a sensação foi mágica!

Eu não vou ser hipócrita e dizer que tu não foste importante, claro que foi! Sem nós e tudo o que vivemos juntos eu nunca teria aprendido como ser inteira e feliz por completo sozinha. Se não fosse por ti eu não teria descoberto meus amigos de verdade e muito menos a capacidade e a força imensa do meu coração em diversos sentidos. Eu virei criança e depois cresci o dobro em tuas mãos, descobri o quanto sou capaz de amar e logo depois a dor que isso pode causar. Obrigada por me fazer durar

Queria muito poder dizer que não o amei com todas as minhas forças, mas infelizmente eu não posso, mas permito-me falar que esse amor ao longo da distancia foi murchando aos poucos, bem poucos até não existir mais. Logo que nos separamos eu dizia que não seria nada sem a tua presença, que minha paz estava contigo, haha! Será mesmo que eu pensava tudo isso ou estava cega pelo encanto que tu me causaste? Nunca saberemos, apenas sei que aqueles dias se foram e a sensação de alívio que sinto hoje ao perceber o que eu ‘’perdi’’ e ao apreciar a pessoa que me tornei, vale mais e é mais forte do que tudo que já senti por ti.

Foi intenso e forte, foi verídico e mesmo que por apenas um momento, eu sei que foi recíproco. O fato de ter acabado não quer dizer que nunca existiu e eu sei que ao me olhar, mesmo que com a sua nova companheira ao lado, tu lembraste o primeiro beijo que demorou a acontecer, do nervoso da primeira ida à casa dos meus pais e dos filmes que seguiram disso. E essas lembranças não querem dizer que ainda existe amor, elas apenas provam que algo existiu e nos fazem refletir aprendizados para o futuro e repensar alguns atos do passado. Nós fomos um antes lindo e isso faz parte da nossa beleza do agora.

Contudo, obrigada por ter me feito ser outra pessoa depois de todo um momento que vivemos juntos, por mesmo sem perceber ter me ajudado a amadurecer, ser e crescer. Mas acima de tudo, obrigada, mas muito obrigada por tudo que eu não fui com você!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

CATEGORIA

Nathaly Bonato

Tags