Não é fácil admitir que eu fico esperando tu me chamar quando acorda. E que eu acordo pensando em te dizer “bom dia”. Tu me tira a pressa de ir embora e me explica com os olhos o que é sentir saudade de alguém que ainda não saiu do teu lado. Tu é o que o meu eu de hoje quer pra sempre, mesmo que o pra sempre do hoje seja só 24 horas.

Não queria que te querer fosse tão fácil assim, e que te ter fosse inversamente proporcional à minha vontade de estar contigo. Eu só queria poder te ver mais do que eu posso. E isso dá saudade. Isso dá vontade. Isso mostra como cada detalhe de um sorriso teu não é só um passatempo, é minha nova necessidade.

Tu faz parte dos meus erros bons, aqueles que eu queria cometer todos os dias. É o meu erro que beija bem, que morde ainda melhor e que abraça de um jeito que eu não quero soltar. O erro que fala pouco, mas que sempre fala como é bom me ouvir. O erro com a respiração que eu quero sentir. O erro que chega e eu torço para não sair.

Embora escolha errado os dias de ir pra aula e já tenha errado demais ao decidir o que queria estudar. É tu que mostra como três ou quatro traços muito parecidos podem ser um desenho lindo. Embora seja difícil te encontrar, teu lado é o lugar onde eu quero estar. E já te vi em dia de chuva e na falta da lua, mas nunca de frente pro mar.

Tu é a minha dúvida. E a minha dúvida é se eu vou ter que me contentar só com o cheiro que ficou na minha roupa. Quero saber se algum dia te querer vai ser sinônimo de te ter. Porque o meu “eu” de amanhã, o da semana que vem e o dos próximos cinco anos já me disseram que ainda te querem pra sempre. Cada um dentro do seu próprio sempre, que pode ser só 24 horas, ou mais de 365 dias.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Deivid Rafael

Tags