Eu me apaixonei e já me lasquei e se você assim como eu já passou por isso, para um minuto e vem me ler.

Isso já aconteceu uma vez e vai acontecer de novo e você não é um(a) idiota por isso, ok? Eu não sei como foi a tua história, mas vou compartilhar a minha. Eu me apaixonei que como se o mundo fosse acabar amanhã e fiz coisas ridículas (meu Deus como eu fui ridícula, eu tô rindo de mim mesma sahusahus), mas enfim. Eu comecei a agir como se a pessoa fosse tudo pra mim, porque eu queria ser aquele tudo, queria fazer parte daquele tudo.

Ele era incrível, tá ele ainda é mesmo após agir feito um babaca! Mas o que eu quero dizer é o seguinte, o fato de ter dado errado uma vez, não significa que na próxima vá dar certo e que você vai estar super preparado para não errar de novo, entende? É, você vai errar de novo e de novo, e uma outras vezes. E calma, não tem nada de errado nisso. As pessoas não vem com manual de instrução, nós não temos a obrigação de saber o que fazer e como fazer sempre, então relaxa!

E se assim como eu, você teve alguém foi babaca o suficiente na sua vida, saiba que eles são muitos e estão espalhados por ai, ok? Mas não se abata, tem uma balada lá fora chamada vida. Tem bebida, gente bonita e um Dj empolgado, esperando você escolher a trilha. Sabe, você pode ficar na sofrência e lamentar a sua existência ou quem sabe até a incompetência de um relacionamento ou lance frustrado. Mas também pode dançar um tango e mostrar pra vida que você também tem gingado e por mais que tenha se assustado ou decepcionado, você ainda tem o ritmo que precisa ok?

Ah, é claro, eu tenho uma terceira opção, também pode colocar um funk e ir até o chão. Sei lá, domina a pista, domina essa porra toda. Debocha da vida e mostra que entre um quadradinho e outro, tu não perdeu o rebolado. Vamos, você pode fazer melhor do que beber até esquecer de onde veio e se entupir de chocolate. Sei lá, você pode rebolar, fazer coisas incríveis e se apaixonar de novo. Foda-se que deu errado uma vez, a vida tá pra quem quer viver. A única diferença dessa vez, é que agora você sabe, não é qualquer coisa que te rouba o gingado. Agora você sabe, amar é coisa de gente grande, gente de raça, que agarra a vida pelas unhas e consegue debochar dela depois de um arrastão. Sabe, gente que vai pra cima, porque entendeu que viver é se arriscar!

E ai, tá pronto?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Thamires Benetório

Tags