Hey! Eu sei que você tá indo, mas espera só um pouquinho mais. Juro que é rapidinho… Deixa eu te contar tudo o que eu sinto e da bagunça que tá aqui dentro, mas só faz sentido contigo junto dela. Talvez seja motivo suficiente pra não precisar ir… Talvez seja o motivo que tu precisas pra ficar.

Mas se, depois disso, você não quiser ficar, eu vou ter que entender. Se não for você, um dia vai ser outra. Deve ter por aí outras mil garotas de sorrisos lindos, sardas no rosto, personalidades fortes, almas intensas e olhares encantadores. O foda é que não é outra que eu quero e, nenhuma delas vai ser você. Eu vou ter que me acostumar com a ideia…

Espera aí, não vai assim. Não sem antes eu esgotar todas as possibilidades, sem tentar te convencer que foi você que eu escolhi, porque é contigo que eu quero dividir a cama no domingo preguiçoso, te contar dos meus dias, meus projetos.

Caramba, menina, não vai assim! Eu não vou conviver com a dúvida do ‘e se eu tivesse falado? E se eu tivesse arriscado?‘. Eu prefiro arriscar, tô colocando todas as minhas fichas na mesa, na gente. Se eu ganhar vai ser o maior e melhor prêmio da minha vida! Eu não sou dos mais religiosos, mas quando eu estou naquela resenha com Deus, é o teu nomezinho que não sai da minha cabeça e como diz aquela música, ‘o meu coração estará com você, minhas orações irão lhe proteger’…

Eu te escolhi, dona encrenca,desde a nossa primeira conversa séria, desde a amizade e o primeiro “te amo”, dito baixinho sem você escutar. Te escolhi pra continuar sendo a minha inspiração. Eu sei que pode ser qualquer outra, mas você não é qualquer uma. É você, maluca. É o teu cabelo que eu quero bagunçar, te provocar pelo bel prazer de provocar e te mimar de um jeito que você sabe que só eu sei.

Foi você que eu escolhi e é na gente que eu acredito, mas se tu não quiser acreditar ou não quiser abrir mão do medo de arriscar, tudo bem. A vida segue e a gente se encontra lá na frente. Essa parada de acreditar sozinho não é muito justa… Faz assim, a gente toma uma cerveja e ri de tudo isso. Se não for você, vai ser outra, por mais que eu queira você.

Eu sei que você tá indo, mas espera só mais um pouquinho. Juro que é rapidinho…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Diego Henrique

Tags