Possuo essa mania, eu sei e ela é toda minha e não consigo retirar, abro a porta do meu coração para quem só quer fazer uma passagem, a pessoa não tem a minima intenção de ficar, simplesmente passa por aqui, observa a porta aberta e a mesa posta, senta, acomoda-se, descansa e depois simplesmente parte.

Parte como se nada que ali viveu tivesse sentido, faz suas malas, retira suas coisas do caminho e quando me dou conta, só consigo ver a pessoa pelas costas, pois simplesmente foi sem explicar, justificar, ou dizer o que quer que seja, nem ao menos uma palavra para que eu entenda o porque dessa partida repentina.

Já tive diversas passagens por aqui, umas sentaram e de verdade, garanto a você que nunca demostraram nenhum sinal que seria uma visita passageira, que aquela morada não seria fixa, e que simplesmente passaria por ali como mais um hospede; E o pior, aqueles hospedes bagunceiros, que quando partem, tem algo dele espalhado em cada canto da casa.
Nunca fui de poucas palavras, era tudo ou simplesmente nada. O filtro por vezes faltava, como se não conseguisse me manter ali firme por muito tempo, tinha a necessidade de ter alguém, de receber a bendita visita, como se tivesse a necessidade de abrir a porta e ser surpreendida.

Depois de tantas visitas, algumas inesperadas e outras desejadas tão grandemente, do fundo da alma, algumas medidas foram tomadas, e uma delas foi colocar o bendito cadeado na porta, chega de deixar aberto e ter esse acesso livre.

Hoje em dia a mesa não fica mais posta, como se fosse o real convite para entrar, coloquei uma escada para ter acesso a área principal, quem desejar realmente chegar lá,vai ter que ter o trabalho de subir.

Não dava mais para deixar o coração assim arreganhado, como se qualquer um pudesse entrar em se acomodar, eu resolvi fechar e deixar de lado essa mania de abrir a porta para quem só quer fazer uma passagem, afinal de coisas passageiras eu já me enchi. Larguei de vez essa mania de abrir o coração para quem não quer fazer morada, agora aqui, só moradores, nada mais de hospedes! 

 
Anúncios

Participe da conversa! 1 comentário

  1. Adorei o texto! Parabéns!

    Curtir

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Andressa Leal