Desde que você se foi sinto uma dor terrível. Um vazio constante. Eu olho para nossas fotos e choro. Eu realmente queria que tudo fosse diferente. Mas não foi.

Você me deixou e eu estou aqui agora sofrendo por um amor não correspondido. Mas eu não vou lutar por você. Não vou sangrar dando o famoso soco em ponta de faca.

Eu o amo, mas não voltaria pra você. Não conseguiria voltar a rotina como se nada tivesse acontecido. Não conseguiria confiar de olhos fechados novamente. Não conseguiria sentar na mesa de jantar e conversar com a família. Conversar assuntos que eu nunca prestei atenção. Mal via a hora de acabar logo a comida e voltar para o quarto. Não conseguia ouvir nenhum pingo da história que seu pai contava de quando conheceu sua mãe ou de quando virou policial. Eles deixavam bem claro que eu não fazia parte da família. Sempre estavam se entreolhando quando eu aparecia. Eu nunca me senti bem, nunca me senti uma pessoa bem vinda, mas sim, tolerada.

Não, não digo que não era bom estar lá, era bom sim, só não era confortável. Não tínhamos a privacidade necessária de um casal. Só que era bom porque eu tinha você, apesar de tudo e isso me aliviava. Mas eu nunca consegui gostar nem da rua que você morava, nem da casa, nem da sua família. E você sabe disso.

Eu só estava ali por sua causa. Tudo que eu fazia era por sua causa. E a partir do momento que eu não tinha mais você de alguma forma e você se distanciou de alguma forma, isso estava se tornando insuportável. Eu o amava. E amo. Mas eu não voltaria pra você.

Eu não voltaria a ter que aturar essa rotina cansativa de ir pra sua casa e você ir pra minha. Todos os dias isso. E isso se tornando um tanto faz cada dia mais. Eu não voltaria a implorar atenção e carinho, enquanto eu estava semi nua na sua cama e você jogando no computador.

Eu não voltaria a ir em lugares que não gostava só pra te agradar porque não tinha um único lugar sequer que nós dois gostássemos igualmente.

Eu não voltaria a ficar calada diante de uma injustiça só pra não magoar tua família e consequentemente magoar você também.

Eu não voltaria a ficar chorando no seu quarto por querer carinho e você ficar dando risada com sua família la na sala.

Não, eu não voltaria pra uma pessoa sem reciprocidade.

Eu não voltaria pra uma pessoa egoísta e mentirosa. Pra uma pessoa fria e calculista.

Eu não voltaria a ter as mesmas discussões sempre. Eu queria x e você queria y. Isso já não tava dando mais certo. Já estava ficando insuportável. Eu realmente não consigo mais. Não conseguiria novamente. Então, não, eu não voltaria pra você.

Eu o amo. Mas eu não voltaria pra você!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Gabi Mayara

Tags