Quantas vezes a gente já deixou para depois, algo que poderia ter feito instantaneamente? Quantas palavras a gente abafou, porque achou que “dava tempo de falar mais tarde”? Quantos cafés quentes a gente tomou frio, ou simplesmente não tomou, porque tinha tanta coisa mais importante do que tomar o café enquanto estava quente, não é? E se a gente parar para pensar, há tanta xícara de café frio na nossa vida, que chega a ser vergonhoso. Porque é essa mania pecaminosa que o ser humano tem: a de misturar as importâncias, e pensar que uma pode ser colocada acima da outra, sem que algo fique para trás, sem que algo se perca, sem que algo se quebre, sem que alguém parta.

Antes que seja tarde, pare de ser idiota. Pare de dar muita importância à quem não mostra que é recíproco. O desgaste pode ser excessivo ao amar por dois, seja este amor, de amigo ou de amante. As suas noites sem dormir não vão voltar. O cansaço por caminhar demais, e por dois, não terá validade alguma. Vai ser apenas cansaço, no final das contas. Não há razão que justifique manter um relacionamento suicida.

Antes que seja tarde, diga de uma vez que você sente. Sabe, a pessoa que você ama, pode ser aquela que se vê em um relacionamento suicida, que ama e sofre por dois, e, enquanto você pensa se vale a pena, essa pessoa pode simplesmente ir embora. E aquela cena do metrô, que acontece em quase todos os filmes românticos, nem sempre é possível na vida real, sabia? Porque chega uma hora em que a gente cansa de carregar uma placa enorme, de neon, com a frase “o que falta em você, sou eu”, e é aí que a gente parte, e deixa um bilhete escrito “eu estava aqui o tempo todo, só você não viu”. Então a ficha cai: você perdeu a pessoa da sua vida, porque achou que ela estaria ali para sempre, e colocou tudo na frente. Colocou profissão, sonhos, objetivos, metas, dores, pesadelos, traumas… E de “espera mais um pouco” e “eu ainda não posso assumir nada agora, é um momento complicado”, você perde alguém que jamais poderá recuperar. Então, antes que seja tarde, passe a mão no telefone, vá até a pessoa, dê os seus pulos, faça o que for preciso, mas diga o que você sente. Essa cena dos filmes, ainda é possível. Amor é via de mão dupla, não deixe o amor da sua vida ir embora por mero egoísmo teu.

Antes que seja tarde, supere os finais dos seus relacionamentos. Viver no passado, é algo cruel demais consigo e com os outros, assim como comparar pessoas pode ser equivocado, e se privar de viver por ter medo dos traumas pode ser sufocante. Pense bem, quantas vezes por semana você pensa nos relacionamentos passados? Quantas vezes você visita os perfis de “pessoas antigas”? Quantas noites você já estragou falando da mesma coisa ou das mesmas pessoas? Então, antes que seja tarde, busque a superação dos relacionamentos e das pessoas. Deixe o preconceito de lado, e procure um psicólogo se necessário, mas pare de sofrer (e fazer os outros sofrerem junto) por algo que você não consegue deixar para trás. Saúde e inteligência emocional são urgentemente necessárias.

Antes que seja tarde, seja o amigo que você quer ter. Porque a gente cobra muito do outro, a gente exige uma amizade perfeita, mas nem sempre somos o amigo que queremos ter. Nem sempre damos o companheirismo que cobramos. Nem sempre somos tolerantes como exigimos do outro. Nem sempre perdoamos o outro como exigimos que ele nos perdoe. Nem sempre somos boa companhia, nem sempre somos o ânimo ou a luz do outro, e fazemos questão de receber a coisa toda. Não adianta querer ser cercado de gente linda e querida, quando se é um poço de azedume, desânimo e escuridão. A amizade, assim como o amor à dois, é via de mão dupla. Então lembre-se que, da mesma forma que nós precisamos do outro, o outro precisa de nós. Dê presença, dê carinho, dê bom humor, dê abraços e cuidados, dê um pouquinho de esforço e um pouquinho de si também, para variar, para fazer com que o outro veja que você também dá valor à esta (às vezes árdua) caminhada.

Antes que seja tarde, valorize a sua família. Valorize o esforço dos seus pais para fazer o melhor para você, porque por mais que este melhor não seja, aparentemente, o “melhor que há”, é o melhor que eles podem fazer agora, com os recursos que possuem e as ferramentas que têm em mãos… Você já pensou que, sendo assim, este, é mesmo “o melhor que há”? Provavelmente não. Então, antes que seja tarde, não vire as costas para isto, não vire as costas para os seus pais, que têm um amor incondicional por você, por mais que eles demonstrem de uma forma meio torta. E não se esqueça dos seus irmãos, e que, talvez, eles também achem você insuportável… Alguém tem que ceder, e não é vergonha nenhuma se você for aquele que dá o primeiro passo. Os nossos irmãos podem ser os nossos melhores amigos para a vida inteira, mesmo com a diferença de idade. Antes que seja tarde, valorize os seus tios. Os irmãos dos seus pais, podem ser mais do que apenas a nomenclatura de “tio”, que você vê duas vezes por ano, nas festas de família. Você pode se abrir com os seus tios também, e você pode encontrar neles, grandes amigos também… Basta que você queira. E antes que seja tarde, valorize os seus avós. Eles também tiveram a sua idade, viveram muito mais do que você, então não seja o imbecil que bate boca com a avó quando ela diz que você está sendo arrogante ou imprudente com a sua vida. Os tempos mudam, todo mundo sabe disso, mas a arrogância sempre será arrogância, a imprudência sempre será imprudência, a imbecilidade sempre será imbecilidade, e os avós sempre serão pessoas dignas do respeito que talvez você não tenha nem consigo. Respeite-os, ame-os, ouça as suas histórias, ouça todos os seus dizeres e ensinamentos… eles valem ouro, e, amanhã, talvez eles já sejam uma peça que não se pode valorar, porque os seus avós se foram. E aí? Então, antes que seja tarde, abrace os seus pais, os seus avós, os seus irmãos, os seus tios, e não se esqueça dos seus primos. Não existe família perfeita, porque nós não somos perfeitos. Não espere a perfeição para dar valor e amor.

Antes que seja tarde, perdoe e peça perdão. Discussão nenhuma vale a raiz de amargura que vem com a falta de perdão. Discussão nenhuma vale a prisão de alma, o nó de fel que se forma entre você e a outra pessoa. A leveza do perdão livre é muito melhor do que a prisão do nó de fel, que te torna uma pessoa extremamente crítica, insaciável, raivosa, arrogante, inflexível e infeliz. Muitas vezes, o outro já nos perdoou e já pediu perdão, mas nós é que não queremos dar o braço a torcer, e ficamos remoendo algo que já está mais do que liberado do outro lado. O outro segue livre, enquanto nós nos amarramos cada vez mais, tomamos uma dose de veneno à cada manhã, e acompanhamos cada passo que o outro dá, botamos defeito em tudo, e nos tornamos o mais rabugento de toda a existência humana. Gritamos que gostamos da solidão, mas por dentro tudo dói, porque o silêncio só, pode ser cruel demais, e gritar em nossos ouvidos tudo aquilo que nos magoa porque não perdoamos da boca pra dentro. Portanto, antes que seja tarde, dê liberdade e se faça livre. Talvez, o perdão seja o que falta para te fazer alcançar o sucesso que você almeja, enquanto está preso demais (em uma gaiola construída por você) para voar livre e o mais alto que puder.

Antes que seja tarde, se ame. Se resgate. Se conheça. Cuide da sua essência. Se olhe no espelho, e repita tudo o que você sempre quis ouvir das pessoas, e talvez seja uma vontade ou necessidade reprimida, não saciada. Olhe nos seus olhos, e diga que se ama, que você é linda(o), que você é importante, que você é brilhante, que você é capaz, que Deus te fez de maneira especial, que você merece ser feliz. Estas palavras, este “autoamor”, vão gerar a autoconfiança que te falta, ou restaurarão a autoconfiança que está quebrada por tantos motivos que só você sabe. Antes que seja tarde, se resgate. Você pode ser incrível, se confiar que pode.

Antes que seja tarde, pare de pensar que o outro vive para te atingir, ou que as atitudes do outro são para te diminuir, te alfinetar, te “cutucar” de alguma forma… O mundo não gira nem ao meu, e nem ao seu redor. Antes que seja tarde, desligue o seu celular e veja o sol se pôr, observe o céu, veja as primeiras estrelas nascerem, observe a lua e as constelações que surgirão ao anoitecer. A gente perde muito tempo olhando para todas as nossas telas, e se esquece de contemplar aquilo de belo que nos cerca diariamente. Além do mais, este exercício abaixa o nosso nariz empinado, e tira a nossa visão do próprio umbigo… Aos poucos, mas tira.

Antes que seja tarde, dê atenção ao seu cachorro, ao seu gato, ou seja lá qual for o seu animal de estimação. A gente vive achando lindo os vídeos de animais Facebook a fora, mas e os nossos companheirinhos? Eles podem ser tão autênticos quanto os dos vídeos, basta que recebam atenção e amor.

Antes que seja tarde, viva. Antes que seja tarde, diga que sente saudades, ligue, abrace. Antes que seja tarde, se faça presente. Antes que seja tarde, acarrete valor à sua existência, e das existências que te cercam. O depois pode não chegar, ou talvez até chegue, mas seja amargo, porque você não fez o que podia e como podia.

O relógio não para, e, na verdade, ele corre mais velozmente a cada segundo. Os dias não voltam, mas marcam para sempre. Tudo passa, tudo é finito. Não vá pensar nisso quando for tarde demais. Está ouvindo o “tic-tac”? Então é bom correr… antes que seja tarde.

Anúncios

Participe da conversa! 1 comentário

  1. Como sempre, brilhante, tocante!!

    Curtir

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Débora Cervelatti

Tags