Com 22 vamos começar a namorar. No início, vai ter vergonha de visitar meus pais e conhecer toda a minha família. Vai me fazer feliz. Vou te dar flores no teu aniversário e depois da nossa primeira briga. Nos primeiros meses, ainda apaixonados, vamos sempre ouvir a mesma música de mãos dadas nos fundos da tua casa ou no banco de trás do meu carro, enquanto viajamos nos nossos pensamentos.
Vamos acordar juntos em um sábado pela manhã e eu vou ver um sorriso teu com a mais pura felicidade, e acordar contigo pela primeira vez vai me fazer feliz. Eu vou sentir que é exatamente ali que eu queria estar.
Aos 23, tu vai reclamar que eu trabalho demais, e eu vou dizer que tu bebeu exageradamente na noite passada. Depois vamos nos beijar e tu vai me fazer feliz. Vai dormir na minha casa quase todos os dias porque sente saudade e pedir sempre o bolo de chocolate da minha mãe. Aos sábados vai ter pizza, uma metade frango e a outra calabresa. Se ela fizer do sabor que tu não gosta, vai comer um pedaço só pra fingir que não se importa, mas vai acabar gostando e raspando a forma inteira. E isso vai me deixar feliz.
Após quase dois anos de namoro, tudo muda. Eu vou trocar de emprego e tu vai implorar pra voltar pra tua cidade. Vamos brigar, depois nos beijar e tu vai me fazer feliz. Vai acordar ao meu lado todos dias, sempre com a mesma parede vermelha vigiando o nosso sono e todas as nossas risadas.
Tu deve ter percebido que em todos os momentos, todos os parágrafos e todos os mais simples detalhes da nossa história incluem a minha felicidade ao teu lado. E, sim, isso vai me fazer feliz.
Talvez um dia tu acorde com o pé esquerdo no piso frio, vá a loucura e grite o mais alto que puder a frase que vai dar fim àquilo que a gente ainda vai ter.
 – Eu não quero mais ficar contigo!

O meu coração, eu sei, vai bater mais naquele exato segundo, eu vou tremer, suspirar, respirar e sentir o dobro do triplo de uma saudade inexplicável. Vou jogar no chão todos os nossos sonhos, mas depois vou recolher e guardá-los na minha gaveta mais segura. Se necessário, eu espero quatro meses, ou mais, até que tu resolva voltar e eu vou estar te esperando para que tu me faça feliz mais uma vez.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Deivid Rafael

Tags