Não sei como começar essa carta, pois não sei qual seria a melhor forma de te chamar. Não posso dizer “Querido ex amor”, já que não posso chamar de ex algo que nunca tive; e que sinto que nunca terei.

Por falar em “nãos” mal comecei e eles já estão tão presentes por aqui, talvez seja porque o não sempre esteve à frente dos “sims” em minha vida. Ah, mas isso não é sua culpa, e sim minha, por sempre aceitar os nãos que a vida me deu e nunca buscar pelos sims, que estão prontos para ser nossos, mas que precisam ser chamados ou procurados. É como diz aquele ditado “o não você já tem, mas o sim você precisa buscar”.

E foi isso que eu não fiz em relação ao seu amor.

captura-de-tela-2016-03-18-acc80s-23-14-38

Você já tinha o meu, pensei que isso estivesse mais do que explícito, pelo menos para mim estava. Mas me enganei e pensei, precipitadamente, que você é quem não queria o meu amor.  Sendo que na verdade você foi tão vítima quanto eu, pois na inocência de não saber e na culpa do meu silêncio você pensou que de mim tinha um não.

Dois nãos que poderiam ter se tornado sims, dois corações que poderiam ter se tornado um, dois corpos que poderiam ficar juntos, mas que foram impedidos pelo medo de não saber o que estava por vir.

Por isso hoje resolvi escrever, não a você, mas ao seu amor. Amor que poderia ter se juntado ao meu e se tornado um par. Quero pedir desculpas se o magoei, mas o meu amor apesar de puro e sincero é inseguro.  E essa insegurança o faz perder o que ele realmente quer.

Perdi o seu amor antes mesmo de o ter,  talvez seja tarde demais, talvez o seu amor já tenha encontrado um outro amor.

Mas se ele ainda sentir um pouquinho do que o meu ainda sente, talvez não seja tarde demais para deixarmos o medo de amar pra la, talvez ainda de tempo de esquecer o futuro e viver um presente juntos.

Por isso, mesmo que tardiamente, digo que meu amor é seu, e o sim que ele precisa só você pode me dar.

tam

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Tamara Pinho