Tem um monte de gente, aliás, tem várias pessoas por ai pregando a lei do desapago. Já viu como as pessoas andam? Sempre apressadas, sem tempo para tempo algum. Tudo virou segundo plano, o “eu” já tomou conta. Somos iguais, uns iguais aos outros. Mas não conseguimos manter nossos jardins, que dirá colori-los. Nos tornamos seres inconstantes e parece estranho dizer que surgimos, que nascemos, quando não do amor, da paixão ou até mesmo do puro sexo. Sabe porquê? Porque ambos possuem uma coisa em comum, o toque. O toque é imprescindível no sexo, na paixão é música, entoa perfeitamente e no amor, é poesia. Agora me diz você? Quem somos nós? Uma geração que não se toca, não se fala, se pisa e se traí a todo momento.

Uma geração incapaz de falar ao pé do ouvido, amarrados na lei do desapego, chego à conclusão de que foi tentando sair do padrão que nos padronizamos. É como se amar o outro, qualquer outro, fosse ilegal. Confiar então, já se tornou imoral. Foi buscando a liberdade de ser livre, que nos aprisionamos. Mas então, quem somos?

Eu não tenho a reposta certa para isso, mas sei que somos os viciados em ganhar. Nos viciamos em fazer as coisas acontecer, que acabamos nos esquecendo de aproveitar, de sentir quando elas realmente acontecem. Somos a geração viciada em ter, talvez seja por isso que nos esquecemos como é ser.

Somos nós, a geração inconstante que de dose em dose vai tentando fugir das mazelas do coração. Mas é preciso pontuarmos, bem sucedidos, felizes? Bom, felicidade ainda é uma incógnita. Nessa inconstância o necessário é não nos esquecermos, aprendemos de tudo, temos de um tudo, só nos falta a realidade da vida. Nos falta o frio na barriga, as borboletas no estômago, a insônia durante a noite, esperando o amanhã incrível. Nos falta a fé, do amanhã próspero e entregue nas mãos Divina. Tem nos faltado o olhar derretido sobre os precisam, tem faltado o doce das palavras e o calor no abraço.

Acorda, o que falta pra essa geração é amor!

unnamed-1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Thamires Benetório