Finalmente chegou a primavera, trazendo novos sorrisos, novas flores e um amor. Um amor que deveras você nem se importou em sentir a tempos atrás, aquele amor chamado amor próprio que outrora se peregrinava no chão das ruas desertas embriagado de más companhias e sem rumo como as folhas do outono passado. Naquele tempo cinzento que você resolveu não viver, mas sim, sobreviver! Convivendo com migalhas e se alimentando de desilusões. Mas chegou o tempo de renascer, não te preocupas que algumas marcas se vão com o tempo e as que ficam te protegem. É hora de brotar, se vestir de autoestima, aprender com os erros e te permitir errar também, afinal, ninguém é perfeito. Você também vai florir, transparecer coragem e se destacar em tantas outras em aspectos únicos que toda aquela outra estação te fez mudar e lhe ensinou a enxergar melhor as primordiais prioridades. Porque assim como aquele cheiro vivo das flores do campo te invade e sacia seu ser, a esperança lhe invadirá, e isso, menina, ninguém vai conseguir tirar de você.

Se você chegou até aqui é porque é forte e nenhum inverno rigoroso ou outono incerto foram capazes de parar você, porque seu coração é grande, um pouco desconsertado, mas foi feito em altas temperaturas, acostumado (ainda mais agora) a aceitar apenas o recíproco, aquele que não machuca ou abandona, porque de gelo você aceitará aquele que vier no teu copo de whisky.

E então vera que as vezes é necessário perder para saber como vencer, mas quando você é forte pode seguir sozinho para um novo começo. Afinal, você finalmente sentiu que seu inverno longo e rigoroso já passou…


 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Luana Ribeiro