Ele amanhece como se fosse carnaval em plena segunda-feira, ele deseja ir ao cinema com a Gabriela, talvez pegar uma praia com a Thais, e jantar à luz de velas com a Carolina. Ele gosta da possibilidade de se apaixonar, ele já provou vários sabores de beijos e tem na memória os melhores perfumes. Ao analisar friamente por fora e sem conhecer a sua essência alguém com um mínimo de bom senso diria: -Que Don Juan. Mas a realidade é que ninguém experimentou ficar para algo além de uma boa saída, quem sabe se ela tivesse cancelado o táxi e ficado para uma xícara de café, ou que não aceitasse apenas ir ao cinema, mas também se interessasse em ir a partida de futebol com aquelas parafernálias todas de quem fica em uma arquibancada torcendo enquanto outro está lá tentando impressionar alguém que poderia vir a ser mais que uma simples ficada. Todos o julgam como um garoto fugaz, mas quem é que quis ir além de uma boa balada? Quem quis saber onde ele morava, sua comida preferida, ou ir no show de sua banda? Quem quis conhecer ele além da aparência? Quem teve vontade de mergulhar nas inconstantes águas do mar de seu coração? Todas decidem desembarcar no primeiro porto, mas nunca continuam a velejar até mais um pôr do sol. Ao meu ver, ele apenas não encontrou alguém que faça valer apena jogar a âncora, porque quando essa pessoa desafia nossos sentidos não pensamos em mais nada, apenas nos jogamos no mar, mesmo sem sabermos nadar, porque aí que está a graça entende? Alguém que nos roube do marasmo do dia a dia, e nos deixe de pele arrepiada, coração pulsante, mãos geladas quando se aproxima do encontro tão desejado, alguém que nos desafie a deixar a nossa zona de conforto para confrontar um não, um talvez, a espera pelo momento de ver a pessoa, a saudades de nem sempre ter por perto, a despedida, a vontade louca do desejo e também a de ser desejado. Ele não é apenas um garoto desses que tem cafajeste como marca maior, ele é apenas uma pessoa que não encontrou aquele alguém que o desafie a fazer o que nunca fez antes, seus olhos não brilham com o comum, suas pernas não bambeiam por qualquer tipo de beleza, sua insônia não é efeito de um bom beijo, isso são apenas adereços, ele deseja mais que pele, mais que química, ele deseja alguém que faça com que o seu coração sinta que vale apena sentir em cada batida que der, ele ainda não encontrou o extraordinário que o faça desejar algo a mais. Ele vai olhar e vai dizer: – Porra velho, quem é você? Ela vai sorrir e responder: Sou garota que fará o seu coração derreter. O garoto de coração de gelo não é tão complexo quanto ele faz transparecer, ele é apenas um homem esperando o amor, não qualquer amor, aquele que faça algo dentro dele mais forte bater que o normal, e no final do dia ele vai sorrir e pensar. – Como valeu apena te conhecer.

re

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Re Vieira