Hoje eu quis sentir tua presença, hoje eu quis ver teus olhos. Hoje… eu senti vontade de te ver.

Mas ao contrário do que estou acostumada, eu não senti vontade de somente me perder em teus lábios. Eu senti algo mais forte. Eu senti vontade de me aquietar nos teus braços.

Não senti vontade de te ver para somente dividirmos as gargalhadas de piadas toscas ou os sorrisos de felicidades, hoje eu senti vontade de te fazer um cafuné enquanto você chora de saudades de alguém que já se foi. Hoje eu senti vontade de te proteger do mundo em um abraço, e não de ser a protegida. Não dessa vez.

Hoje eu senti vontade de ao menos estar contigo, te ouvindo suspirar, em silêncio, apenas estando ali por perto. Hoje eu não quis te convidar para tomar um vinho, hoje eu quis te fazer um café quente e tentar acalentar esse teu peito tumultuado.

Por um momento eu não quis ser somente a sua ficante qualquer, que está ali somente para aproveitar os momentos bons. Hoje eu quis ser a tua namorada, aquela que está sempre ali, independentemente de ser um momento bom ou ruim.

Não senti vontade de não te deixar dormir e de fazer o quarto sacudir, eu senti vontade de te ver dormir e te acariciar a barba sem você notar. Hoje eu não quis que você me desejasse, eu quis que você me aceitasse como alguém que apenas quer te fazer bem, quer te ver bem.

Hoje eu quis ser aquela mulher que te faz ter a certeza de que sempre vai ter alguém ao seu lado. Hoje eu quis ser ela, aquela que domina teus pensamentos antes de dormir.

Mas te ver e não poder sermos, mais uma vez, NÓS, dói, machuca, perturba e tira o sono. E isso faz com que tudo perca o real sentido.

Porque não podemos tocar os que tanto queremos? Porque insistimos em gostar de quem pouco se importa com a gente? Porque você, aí, não me abraça forte e tenta esquecer do mundo? Porque não posso ser a que domina teus pensamentos antes de dormir? O que de errado eu fiz?

Vem aqui, deita o teu peito no meu e me deixa ser o teu porto. Ao menos até o final desse filme.

vic

Anúncios

Participe da conversa! 2 comentários

  1. Lindo e emocionante texto… Ameiiii, parabéns!!😘

    Curtir

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Victória Martins