Os inseguros e ciumentos precisam ler isso

O fim de um namoro, noivado, casamento e até mesmo de uma amizade ou rolo, por insegurança e ciúme, é um dos momentos mais difíceis e dolorosos para todos aqueles que, como o Charlie de ‘As vantagens de ser invisível’, mergulham de cabeça em todas as relações, momentos e pensamentos, mesmo sem verificar, antes, se há água na piscina.

Para esses, que sentem infinitamente mais do que gostariam, uma simples mensagem de “boa noite” acompanhada por ponto final depois de ter passado o dia todo esperando a pessoa para conversar causa a estranha sensação de dor na pontinha do estômago. E logo insegurança e o ciúme batem à porta, de pijama, prontos para dormir de cochinha você. Uma briga mais intensa com seu (a) melhor amigo (a) por ciúme pode causar uma dor irremediável, que sempre vai durar toda a eternidade de uma madrugada em que o sono marcou encontro, fazendo você dispensar aquela maratona de séries e não apareceu, deixando você com o celular na mão, olhando fotos que nem deveria ter na memória do celular.

Só quem é inseguro e ciumento e já passou pelo termino de uma relação sabe o quanto é horrível pensar que, em alguns dias, seu lugar de anos será ocupado por alguém que não dá a mínima para quem você tanto ama mais do que tudo, e que só está ali por diversão.

Na maioria das vezes (isso não é lei universal), essas relações já começaram erradas: foram regadas com a ideia de que sentir insegurança e ciúme sempre são coisas pura e simplesmente normais, quando não são. É claro que uma vez ou outra, de tão carentes que são os seres humanos, seja absolutamente normal sentir um desses dois pontos finais de relacionamentos.

A insegurança, por sua vez, coloca todas as nossas certezas, as mais íntimas e pessoais, em jogo. Quando por exemplo, é só a pessoa que gostamos aparecer online no Whatsapp e demorar um segundo para responder que nós já pensamos, nesse vago segundo, em variados tipos de traição, trocas e substituições. É que quando ficamos inseguros, fazemos as piores coisas do mundo.  

O ciúme, por outro lado, anda de mãos dadas com a teoria da traição. “Você estava falando com ela?”, “Sim, estava” e essas duas palavras fazem o papel de um roteiro de cinema, onde se imagina que a pessoa fez uma viagem à Paris, visitando os locais parecidos com os de gravação de “A culpa é das estrelas”, com uma pessoa que, no máximo, pode ter apenas perguntado algo, despretensiosamente, sobre aquele clube de dança que ela mesma frequenta com o namorado. Ciúme não é sinônimo de amor, é sinônimo de tudo, de posse, propriedade, menos de companheirismo, afeto e confiança. A traição talvez seja pior do que o ciúme, mas lembre-se: a pior traição é aquela que criamos dentro da própria cabeça.

Por fim, para os inseguros e ciumentos de plantão vale um pouco, o mínimo que seja, de altruísmo. Pois anão há relação que suporte esses dois pianos que ficam mais pesados dia após dia, discussão a cada discussão. Comecei o texto descrevendo algumas práticas/ações das pessoas muito inseguras e ciumentas, não à toa, há um motivo: vocês são pessoas repletas de, além de ciúme e insegurança, amor e carinho para dar. Só precisam medir as doses de cada uma dessas coisas. É claro que um pouco mais de confiança sempre ajuda na receita.

E por último, para encontrar algumas respostas de como diminuir esses males, não adianta sair perguntando para os amigos sem antes olhar para si mesmo. Porque quem deseja encontrar seu “eu” interior não deve sair perguntando o caminho para outras pessoas.

Individualismo? Não. Auto-conhecimento!  

  

Anúncios

4 comentários em “Os inseguros e ciumentos precisam ler isso

  1. Rogério, meu psicólogo 💛
    Obrigada pelas palavras, por fazer eu entender meu momento e mostrar o caminho pelo qual devo seguir. Agora só depende de mim.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Mas não é tão simples controlá-los, parece que esses sentimentos que nos controlam. Eu sou insegura e ciumenta, mas não é atoa, ninguém é assim atoa, sempre a algo ou alguma coisa por trás dessa paranóia toda. Como uma traição perdoada, ou como uma conversa já lida no whatssap maliciosa, essas coisas não aparecem por acaso… Elas são efeitos colaterais que adquirimos por culpa dele.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s