Hoje eu acordei e senti sua falta

 

Hoje eu acordei procurando por você na cama, o olhar meio embaralhado não deixou que eu te encontrasse, meus braços se sentiam vazios, sem o seu peso sobre eles e eu, preocupado e sozinho, sem condição alguma, decidi levantar da cama.

Levantei porque queria ter você aqui, queria sentir o teu perfume, seus lábios tocando a minha bochecha e seu corpo sendo envolvido pelo meu abraço logo após um bom dia, dito espontaneamente bem no seu ouvido. Eu queria te ver usando a minha camisa, que foi a primeira coisa que você encontrou no quarto antes de sair para ir até a cozinha e preparar o nosso café como forma de agradecimento por algo que, na verdade, era eu quem deveria ter te agradecido.

É como diz aquela música do Detonautas, sabe? Hoje eu acordei e te quis por perto. Mas foi difícil, eu não dormi ao seu lado, não arrumei seu travesseiro junto ao meu e nem tive aquele carinho sobre o meu corpo antes de dormir, enquanto você escora a cabeça aqui, colado do meu ombro. Eu queria a maciez do seu toque e a pureza que o seu olhar me traz, mas querer, meu bem, querer não é poder e disso, nesse momento, eu tenho certeza.

Então, eu decidi voltar.

Voltei para a cama para poder sonhar.

Afinal, eu preciso te dizer, convenhamos:

Nem todos os sonhos que realizamos dormindo são fáceis de se realizar depois que acordamos.

IMG_2650-0

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s